As 20 máscaras mais perturbadoras dos filmes de terror

Cobrir o rosto, esconder a identidade, gemer baixinho por trás da máscara e nunca saberem a expressão facial do vilão. Puro sucesso.

O que é que tem nos filmes de terror que nos prende, enoja e excita nossa mente ao mesmo tempo, não sei, mas é fato que o gênero agrada (e desagrada concomitantemente) muita gente. Tripas, sangue, perturbação mental, tortura psicológica, mutilação, sustos, mortos vivos: são cenas repulsivas que prendem o espectador quase colado na tela, enquanto outros se escondem atrás de uma almofada ou cobertor.

+ 13 filmes perturbadores para você (não) assistir
+ 20 lugares assustadores para você (não) visitar
+ Mais de 30 filmes de terror para você assistir 

Característica dos grandes clássicos do terror como Freddy Krueger, Jason, Halloween ou muitos outros, são as máscaras. Frias, inumanas, sombrias, feitas de pele humana e de restos mortais, couro, saco, feitas com perfeição germânica ou toscamente costuradas... Cobrir o rosto, esconder a identidade, despertar a curiosidade do horror que se esconde por trás daquilo, deixar à mostra só o brilho cruel dos olhos do assassino é marca registrada do gênero.

Por isso o ObaOba revisitou os grandes filmes de terror, dos clássicos aos mais underground, tudo para selecionar as máscaras mais pertubadores dos filmes:

1. The Purge - Uma Noite de Crime - 2013 (James DeMonaco)


Imagine que nos Estados Unidos a taxa de desemprego está em 1%, a pobreza está em seu mínimo e a taxa de crime está quase em 0. Como? Uma noite por ano, por 12 horas qualquer crime ficaria impune. Roubos, assassinatos, estupros, torturas, sequestros. Nessa noite alucinada, o filho de um vendedor de sistemas de segurança deixa um homem perseguido por psicopatas entrar na casa. O resto da noite é uma experiência horripilante e pertubadora.

2. Smiley - 2012 (Michael Gallagher)


Pense numa máscara de pele humana, com um emoticon de internet em cima, os olhos costurados fechados e boca também, escondendo o rosto de um psicopata que só aparece quando chamado 3 vezes em um site do tipo Chatroulette. Smiley é o nome desse mito da internet. Quando a estudante Ashley e sua amiga resolvem fazer a brincadeira juntas e estranhos assassinatos começam a acontecer, a zoeira perde o controle. E nem a polícia acredita nelas. 

3. V/H/S - 2011 

Essa produção de 10 diretores (Matt Olpin, David Bruckner, Tyler Gillet, Justin Martinez, Glenn McQuaid, Radio Silence, Joe Swanberg, Chad Villella, Ti West, Adam Wingard) compõe um filme de terror pra lá de perturbador. Na trama, amigos entram em uma casa para roubar um VHS e se deparam com várias fitas. Cada uma delas com uma história mais sobrenatural, doentia, nojenta e horrível que a outra. Em uma delas, uma máscara de bochechas rosadas é o protagonista dos assassinatos. 

4. As Colinas de Sangue - 2009 (Dave Parker)


Você é um adolescente que resolve fazer um documentário sobre o dito "filme mais assustador de todos os tempos", filmado décadas antes, que teria sido feito como um Snuff Movie (filme em que as cenas de morte, estupro e mutilação são filmadas de verdade e não encenadas). Você e seu grupo de amigos vão à floresta onde teria sido filmado o longa, super preparados: celulares de sobra, armas, rádios, tudo que os bobinhos nos filmes nunca tem. Mas seria isso suficiente? Curiosidade: a máscara no filme é dupla, já que o neto do assassino teria sido criado nesse ambiente e mutilado o próprio rosto como a máscara do assassino por opção própria, usando uma máscara em cima de seu rosto mutilado.

5. Os Estranhos - 2008 (Bryan Bertino)


Sempre que você ouve um barulho, pensa: "tudo bem, não é nada, é só um carro/vento/bicho". É o começo da tortura psicológica de "Os Estranhos". Na trama, um casal recém noivado começa a sentir que há algo errado, mesmo não vendo as três figuras mascaradas que circundam a casa. Mas, quando percebem que é hora de fugir é tarde demais. Bônus: é com a Liv Tyler.

6. O Orfanato - 2007 (Juan Antonio Bayona)


Uma família se muda para uma casa onde um dia foi um orfanato. Laura (que viveu nesse orfanato), a mãe, tem vontade de reabrir as portas como um lugar para crianças com problemas e doenças. Seu filho é adotado Simon é soropositivo, mas ainda não sabe. Até que descobre, por meio de seus amigos imaginários (um deles uma criança com um saco na cabeça).

Laura fica bem tensa quando descobre fotos da sua época no orfanato e encontra a mesma criança com a máscara de saco. Por que? Uma doença degenerativa que deixou o coitadinho pra lá de desagradável ao olhar. Laura começa a ver o menininho com um saco também pela casa, ao mesmo tempo que seu filho adotado, Simón, desaparece e é dado como sumido. O que acontece depois é uma sucessão de sustos, medos e sempre uma sensação de que alguma coisa está mal explicada.

7. Contos do Dia das Bruxas - 2007 (Michael Dougherty)

Gostosuras ou travessuras? O filme mais severo de Halloween que você já viu, passa uma lição de "manter as tradições" do Dia das Bruxas e levá-las bem a sério. Assoprar lanternas de abóbora, roubar doces, fazer piada e visitar o mesmo lugar de assassinatos nos Dias das Bruxas? Nananinanão. Meninos malvados merecem morrer. Destaque para as máscaras nas cenas de festa no filme e as crianças mascaradas noônibus.

8.  Por Trás da Máscara: O Surgimento de Leslie Vernon - 2006 (Scott Glosserman)

 

Jason, Freddy Kruger, Myers...como foram "criados" os mitos dos grandes nomes mascarados dos filmes de terror? "Por Trás da Máscara" é o longa do documentário da criação de um psicopata. Que exercícios, armas, ensaios e preparos um psicopata tem que ter para ter sucesso? Como é feito um psicopata, quem ele mata, como acontece? E, por fim, se a criatura voltar-se contra os criadores?

9. Casa de Cera - 2005 (Jaume Collet-Serra)

O filme trash estrelado por ninguém menos de Paris Hilton conta a história de um grupo de jovens que vai parar em uma cidade estranha depois de um problema no carro a caminho de um jogo de futebol. Enquanto esperam o mecânico, dão um rolê pelo museu cera onde tudo é feito do mesmo material: paredes, os quartos, as lojas, bonecos. Quando as coisas começam a ficar estranhas, um assassino mascarado começa a enxertar cera quente nos garotos e colocá-los como decoração na cidade, que nunca teve pessoas, só bonecos de cera. 

10. Donnie Darko - 2001 (Richard Kelly)

O aclamado filme cult/hipster conta a história de Donnie, um garoto na adolescência nos anos 80, que começa a contestar a realidade, a sociedade e os ideiais liberais e conservadores. Donnie começa a sonhar com uma figura vestida de coelho, que o obriga a fazer diversas coisas, como incendiar a casa de um palestrante, arrancar a cabeça de uma estátua, depois de ser avisado de que faltam 28 dias para o fim do mundo. Nas discussões entre ele e o coelho, descobertas sobre si mesmo, sua vida e o mundo como ele conhece mudam.

11. Hannibal - 2001 (Ridley Scott)

Hannibal Lecter, o psicopata mais fino e chique da história serviu de "professor" e ajudou Clarice Starlking do FBI a pegar um assassino em série de dentro da penitenciária/hospital psiquiátrico onde Hannibal estava preso. Depois de fugir da penitenciária, ele começa a ser perseguido por Clarice e pela única vítima sua que sobreviveu, um milionário deformado. A ideia de Manson Verger é sequestrar Hannibal e dá-lo aos porcos, para vê-lo sofrer como Hannibal o fez sofrer. A máscara clássica é usada por Hannibal ao ser capturado por Manson.

12. A Máscara do Terror - 2000 (George A. Romero)


Henry Creedlow é um bom moço. Ele mantém sua boca fechada, segue ordens e se comporta, sem aprontar. Porém, um dia ele acorda e descobre que a pele de seu rosto foi arrancada e em seu lugar foi colocada uma máscara branca com pequenos furos para os olhos. Depois de anos de submissão arrancaram só o que ele ainda tinha: sua identidade. Em busca de vingança e cansado de ser bonzinho, ele se rebela.

13. Pânico - 1996 (Wes Craven)


Uma das máscaras mais famosas dos filmes de terror, do assassino sádico e escrachado, este é o primeiro filme da série, que faz piada dos grandes clássicos como Sexta Feira 13 e Halloween. O script é clássico dos filmes do gênero: uma jovem sozinha em casa que, pelo telefone, conversa com uma amiga depois de responder à ligação de um desconhecido perguntando "qual seu filme de terror favorito"? O resto é sangue, tripas, nojeira e muita piada com clássicos do terror.

14. Nightbreed - 1990 (Clive Barker)

Aaron Boone é um moço perturbado que sonha com Midian, um lugar onde monstros vivem livres. Ele é levado por seu psiquiatra a acreditar que cometeu uma série de assassinatos que parecem bastante com seus sonhos. Seu médico o droga com LSD e obriga-o a se entregar para a polícia. Mas ele é atropelado no caminho e vai para o hospital, onde conhece Narciso, que lhe diz que Midian é real e ensina-o a chegar lá, logo antes de arrancar a pele de seu rosto, fazendo-o usar uma máscara. O resto da trama é uma sucessão de horror, morte, assassinato, perversão e cenas que misturam realidade e ficção. Este é o primeiro filme da trilogia de Hellraiser.

16. Sexta-Feira 13 - 1980 (Sean S. Cunningham)



Um dos maiores clássicos filmes de terror da história, com uma série de longas, conta a história de Jason Voorhees, que nasceu em uma sexta-feira 13 com problemas mentais. Todos pensavam que ele havia se afogado no lago de um acampamento, inclusive sua mãe que, em um surto, trucidou os monitores e demais adolescentes que estavam no camping, alegando que teriam negligenciado os cuidados com o garoto. Uma menina se salva, arrancando a cabeça da mãe dele com um facão. Jason volta dos mortos e vinga sua mãe, matando quem mais aparecer em seu caminho. Sua máscara de hóquei é clássica do terror.

17. Motel Hell - 1980 (Kevin Connor)

Esse filme de horror/comédia fala de Vincent e Ida, dois irmãos que moram em uma pequena fazenda junto a um motel. Seu presunto de carne seca é o melhor de todos, e o segredo da receita é: carne humana. Ele tem armadilhas escondidas pela propriedade para pegar desavidados, que depois são enterrados até o pescoço e arrancadas suas cordas vocais. Alimentados até "o ponto" para serem cozidos e transformados em carne seca defumada. A máscara de porco é usada por Vicent para cometer os assassinatos. 

18. O Massacre da Serra Elétrica - 1979 (Tobe Hooper)

O primeiro filme sobre o Massacre da Serra Elétrica, que, aliás, é inspirado em uma história real. Na trama, cinco adolescentes à caminho de um show do Lynyrd Skynyrd, carregados de drogas que pegaram no México, dão carona para uma garota na estrada que não para de falar de um homem mal. Ela comete suicídio (de uma forma bem bizarra) e os garotos, assustados, procuram a polícia. Na tentativa de dar um jeito na situação em que se encontram, eles acabam em uma floresta perseguidos por Leatherface, nosso assassino e dono de uma das máscaras mais famosas do gênero terror. Tortura, amputamento, sal grosso e muito barulho de motosserra apimentam o filme.

19. O Homem de Palha - 1973 (Robin Hardy

A primeira versão do filme que mais tarde seria estralada por Nicholas Cage, conta a história de um homem que vai investigar o desaparecimento de uma menina em uma ilha distante, Summerisle. Chegando lá, o homem descobre uma cultura totalmente diferente da dele, matriarcal e com costumes pagãos cheio de segredos e intrigas. O filme explora de forma densa e bastante verossímil os antigos ritos e costumes do paganismo, notadamente a Festa de 1º de Maio, o Festival de Primavera, quando todos se vestem com máscaras de animais para incentivar uma colheita próspera. O filme acaba de forma agoniante e cheia de terror.

20. Os Olhos sem Rosto - 1960 (Georges Franju)

Esse filme franco-italiano é o mais antigo de nossa lista. Adptado de um romance de Jean Redon, ele fala sobre uma jovem que tem seu rosto desfigurado em um acidente de carro com seu pai, um famoso cirurgião plástico. O pai, desesperado, busca forma de transplantar um rosto novo para a filha, a partir de uma doadora viva, causando uma série de assassinatos. A moça usa uma máscara que cobre todo o resto menos os olhos, daí o nome do filme. A técnica funcionou na assistente de seu pai, mas o corpo da filha rejeita sucessivamente os novos rostos implantados, causando uma série infindável de crimes. 

Atualizado em 6 Out 2014.

Por Julia Bueno
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

15 curiosidades sobre "3%", primeira produção totalmente brasileira da Netflix, que vão te deixar com vontade de assistir à série

O seriado estreou na última sexta-feira, 25 de novembro

7 motivos empolgantes para não perder a Comic Con 2016

O evento geek acontece de 1 a 4 de dezembro no São Paulo Expo

11 filmes da Netflix para se desidratar de tanto chorar

Prepare o seu chocolate e sua caixa de lenços

7 séries de demônios e espíritos do mal para assistir morrendo de medo

Seriados que misturam terror, suspense e possessão! Quem gosta?

20 séries que estreiam na Netflix em 2017

Novas temporadas, histórias, muita Marvel e motivos pra ficar em casa curtindo o serviço de streaming

7 séries que marcaram a adolescência dos anos 90 e que você pode rever na Netflix

Muitas e muitas temporadas para você assistir e relembrar! <3