Canibal alemão reprova filme sobre sua vida

Armin Meiwes, é um alemão que se tornou conhecido como "Der Metzgermeister" (O Açougueiro Mestre).

Pela internet, ele combinou com Bernd Jürgen Armando Brandes que iria assassiná-lo e comê-lo. Em março de 2001, em sua casa, Meiwes realizou o combinado e ainda filmou os acontecimentos.

Agora, preso, ele tenta processar os produtores do filme de terror "Butterfly: A Grimm Love Story", que ele diz ser baseado em sua vida.

O advogado do canibal, Harald Ermel, afirmou na última segunda-feira que seu cliente não deu permissão à produtora Atlantic Streamline para transformar a história em ficção.

A produtora ignorou as acusações de deve lançar o filme na Alemanha, no dia 9 de março.

Meiwes será julgado nesta quinta-feira e afirma que o filme pode influenciar negativamente em sua sentença. Ele pode pegar prisão perpétua, mas a defesa reforça que a vítima de Meiwes se candidatou voluntariamente para ser morta e devorada.

O canibal também está processando a banda de rock alemã Rammstein, alegando que a música "Mein Teil" ("Meu Pedaço") refere-se a seu caso.

Atualizado em 19 Mai 2014.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

15 filmes da Netflix que são baseados em histórias reais e você não sabia

Histórias impressionantes que vão muito além da ficção do cinema!

Confira 12 filmes atuais da Netflix para assistir debaixo das cobertas

Para você que vai passar o fim de semana na preguiça do cobertor!

Na onda de "Santa Clarita Diet", confira 7 séries com temas polêmicos para assistir na Netflix

Canibalismo, sexo e drogas são alguns dos temas tratados

5 filmes ambientados em Las Vegas

Conheça o cenário por trás de filmes hollywoodianos e como visitá-los

16 filmes com cachorros para você morrer de rir (ou chorar)

Dos livros para o cinema: 11 obras literárias que vão virar filme em 2017

Dos best-sellers aos títulos menos comentados, a lista está cheia de surpresas!