Kid Rock e Scott Stapp entram na justiça por filme pornô

Como todos esperavam, Kid Rock já entrou na justiça para tentar impedir que a Red Light District comercialize um vídeo pornô protagonizado por ele, Scott Stapp (ex-Creed) e quatro garotas num ônibus de turnê em 1999.

Na ação judicial, Kid Rock alegou que a empresa está violando sua marca registrada e sua privacidade. Já conseguiu a primeira vitória, pois um juiz norte-americano concedeu uma liminar que impede a Red Light de divulgar o trailer do filme em seu site oficial.

David Joseph, dono da empresa, não informa com quem conseguiu as imagens, mas afirmou que está pronto para vendê-las. Ele chegou a veicular um trecho do filme em seu site, o que gerou uma primeira ação na justiça, por parte de Scott, já no final da semana passada (17/02).

Em seu processo, Kid Rock exige uma ordem que impeça definitivamente a venda e distribuição do filme. "Até as estrelas do rock têm direito a privacidade", disse William Horton, advogado do cantor.

Atualizado em 19 Mai 2014.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Na onda de "Santa Clarita Diet", confira 7 séries com temas polêmicos para assistir na Netflix

Canibalismo, sexo e drogas são alguns dos temas tratados

5 filmes ambientados em Las Vegas

Conheça o cenário por trás de filmes hollywoodianos e como visitá-los

16 filmes com cachorros para você morrer de rir (ou chorar)

Dos livros para o cinema: 11 obras literárias que vão virar filme em 2017

Dos best-sellers aos títulos menos comentados, a lista está cheia de surpresas!

6 filmes de super-heróis que queremos assistir nos cinemas em 2017

De "Logan" a "Liga da Justiça", confira os lançamentos do gênero

10 séries com apenas uma temporada que você VAI querer continuar assistindo

É praticamente impossível não querer ficar ligado nos próximos episódios!