Por que "Os Normais" foi a melhor série brasileira

Sitcom global de 2001 ainda faz sucesso com suas situações normais

Volta e meia nos apegamos a algumas séries e nos apaixonamos pelos personagens, se entregando a suas aventuras a cada episódio.

10 motivos para assistir ao filme O Grande Hotel Budapeste
+ As melhores séries de todos os tempos

+ As 10 melhores séries para assistir no Netflix

O Brasil nunca produziu séries tão boas quanto as novelas, mas já acertou a mão algumas vezes, como em Os Normais, seriado que durou três temporadas e foi transmitido entre 2001 e 2003 pela Rede Globo. A série retratava a vida de Rui (Luis Fernando Guimarães) e Vani (Fernanda Torres), noivos que viviam em apartamentos separados e que passavam por situações malucas, mas que julgavam normais.



Achamos que "Os Normais" foi a melhor série no formato sitcom feita por aqui, e os motivos para isso são esses:

Eles realmente são normais

Experimente assistir algum episódio da série com a sua namorada (ou o seu namorado, não sabemos quem está lendo aí do outro lado) e verá que muitos pontos malucos do casal são comuns em nossas vidas conjugais. 

A abertura

Não tem como não esquecer os versos repetitivos de “Doida Demais”, acompanhada daquelas fotos 3x4 de uma galera... normal – que fazia parte da equipe de produção do programa. 

O Rui

Você deve nunca ter imaginado que um carioca pacato e botafoguense fosse tão interessante e engraçado como o Rui é. Os diálogos dele sempre são bobos, assim como ele sempre fica nas mãos da Vani, mas é incrível como o jeitão tranquilo de Luís Fernando Guimarães nos faz gostar desse mala.



A Vani

Louca desvairada, falsa, manipuladora, sem noção, mal educada... isso é tudo o que Vani, a personagem de Fernanda Torres, é. Mas, apesar de todos esses defeitos – e por ela não ser nossa amiga –, gostamos dela. Suas frases e reflexões são válidas para todos. 

Image and video hosting by TinyPic

Os amigos são tão loucos quanto

Quando as loucuras do casal não bastam, amigos são convocados para fazer com que as coisas esquentem. E eles são confusos, como Bernardo (Selton Mello) e Maristela (Graziela Moretto), que se tornaram fixos na terceira temporada, bem como os inúmeros que participaram em outros episódios. Eles dão um tempero especial nas aventuras do casal. 

 

Os mini-flashbacks

Quem não queria contar com esse simples recurso na vida? Imagine só que louco que seria contar uma história, alguém não recordar, e você buscar esta memória em um vídeo rápido no meio da conversa? Pena que não tem pra vender no mercado. 

Os apartamentos

É muito legal o fato deles não dividirem o mesmo teto. Imagina que legal um casal com duas casas, e quando as coisas ficam um pouco chatinhas eles vão cada um para um canto e resolvem suas vidas? É claro que um sem o outro não tem graça, mas na vida real isso seria demais. 

Os lugares que frequentavam

Se você se enfia em festas de desconhecidos, eventos de conhecidos pirados, shows ruins, baladas péssimas e outros lugares desconhecidos, você possivelmente poderia fazer parte do elenco da série, pois os rolês do casal não eram nada ~normais~.

A quarta parede

Antes de se perguntar o que seria de nós sem "Os Normais", vamos nos perguntar o que seria deles sem a gente. Os momentos em que os personagens fazem contato conosco são incríveis e mostram que aquilo é a nossa vida também – porque não deixa de ser bem parecida. 

A liberdade dos atores

Luis Fernando Guimarães e Fernanda Torres tinham total controle sobre os seus personagens, tanto que criavam e improvisavam falas o tempo todo, sempre seguindo o roteiro, mas sendo eles mesmos. Um dos momentos mais legais de improviso é no encerramento da série, geralmente dentro do carro, onde o casal improvisa sobre o episódio, como se fosse uma “moral da história”.

 

 

Atualizado em 2 Jul 2014.

Por Rodrigo Guarizo
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

15 curiosidades sobre "3%", primeira produção totalmente brasileira da Netflix, que vão te deixar com vontade de assistir à série

O seriado estreou na última sexta-feira, 25 de novembro

7 motivos empolgantes para não perder a Comic Con 2016

O evento geek acontece de 1 a 4 de dezembro no São Paulo Expo

11 filmes da Netflix para se desidratar de tanto chorar

Prepare o seu chocolate e sua caixa de lenços

7 séries de demônios e espíritos do mal para assistir morrendo de medo

Seriados que misturam terror, suspense e possessão! Quem gosta?

20 séries que estreiam na Netflix em 2017

Novas temporadas, histórias, muita Marvel e motivos pra ficar em casa curtindo o serviço de streaming

7 séries que marcaram a adolescência dos anos 90 e que você pode rever na Netflix

Muitas e muitas temporadas para você assistir e relembrar! <3