Stripper processa Scott Stapp por filme pornô

O ex-líder do Creed, Scott Stapp, está sendo processado por uma mulher, que alega ser a protagonista do filme pornô gravado com o cantor e pelo amigo Kid Rock e vendido na internet.

O processo é por invasão de privacidade e danos morais. Ela afirmou que acreditava que o vídeo estivesse apenas com o vocalista. Mas agora, exige uma indenização.

Scott Stapp alega que o vídeo foi roubado, e que conseguiu uma liminar na justiça, impedindo a distribuição integral ou parcial do filme.

A gravação foi divulgada pela Red Light District, no seu site oficial, poucos dias após o segundo casamento de Scott, com a ex-Miss New York, Jaclyn Nesheiwat. Segundo o roqueiro, a nova esposa aceitou que o vídeo é parte de seu passado.

Atualizado em 19 Mai 2014.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Na onda de "Santa Clarita Diet", confira 7 séries com temas polêmicos para assistir na Netflix

Canibalismo, sexo e drogas são alguns dos temas tratados

5 filmes ambientados em Las Vegas

Conheça o cenário por trás de filmes hollywoodianos e como visitá-los

16 filmes com cachorros para você morrer de rir (ou chorar)

Dos livros para o cinema: 11 obras literárias que vão virar filme em 2017

Dos best-sellers aos títulos menos comentados, a lista está cheia de surpresas!

6 filmes de super-heróis que queremos assistir nos cinemas em 2017

De "Logan" a "Liga da Justiça", confira os lançamentos do gênero

10 séries com apenas uma temporada que você VAI querer continuar assistindo

É praticamente impossível não querer ficar ligado nos próximos episódios!