Noites black de raiz em Sampa

As baladas black vem fazendo história na noite paulistana. Em todas as regiões é possível curtir um programinha ao som da música negra. E em Sampa é possível também ir numa casa de raiz, onde a black music começou a contagiar o público e ser o que é hoje.

Quem curte o estilo a muito tempo certamente já ouviu falar do Green Express, uma casa tradicionalíssima no centro de São Paulo. Por lá rolam bailes blacks muito animados e concorridos. Vale a pena conhecer o salão e sua parede de caixas de som e ainda têm uma super loja de discos do Dj e radialista Toni Hits que toca por lá e ainda comanda a noite de domingo no Blen Blen Brasil.

Toda quarta rola no Green, a Cia. do Vinil com soul, funk e samba-rock rolando solto no salão. Muita gente interessante se concentra por lá. Nas sextas, a festa é chamada "A Casa da Nostalgia, onde é possível notar a grande mistura da casa, pois um público tradicional se mistura aos novos adeptos do estilo. Essa noite sempre ferve.

Visitar o Green Express é conhecer a origem do estilo que conquista cada vez mais fãs.

Atualizado em 19 Mai 2014.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

10 livros autobiograficos incríveis para se inspirar na vida de pessoas maravilhosas

Atores, cantores e personalidades colocam a cara à tapa para contar suas trajetórias pessoais e profissionais

9 contas divertidas para alegrar o seu feed do Instagram

Perfis engraçadinhos, bonitos e até inspiradores para deixar o dia mais leve

9 livros que estão em alta para incluir na sua lista de leitura

De autobiografias a crônicas, poemas e obras que viraram filme

10 presentes diferentes para agradar o mozão no Dia dos Namorados

Pra fazer bem bonito nesta data especial e aumentar a barrinha do amor através de alguns mimos

6 dicas infalíveis para se sair bem na arte de paquerar no Instagram

Já que a rede social está ali disponível e dando bobeira, partiu flertar online

Brilho sustentável: conheça 4 alternativas ecológicas para o uso do glitter no Carnaval

Atenção foliões: saiba como substituir o glitter feito de microplásticos por um que não agrida o meio ambiente!