Ultralounge não abriu!

A primeira data marcada para a reinauguração do Ultralounge foi dia 25 de junho, a segunda e mais recente, foi na semana passada, no dia 18 de julho. Porém foram duas tentativas frustradas do proprietário da casa, Bob Yang (foto). Pela segunda vez o Ultralounge não reabriu e causou burburinhos entre a rapaziada GLS.

De acordo com informações, o Ultralounge não abriu por causa de uma liminar conquistada pela Assossiação de Moradores dos Jardins de última hora, sendo impossível conseguir a cassação.

Hoje, Bob Yang prestou esclarecimentos para os clientes do Ultralounge através de uma carta, onde se desculpa e critica as “senhoras” do Jardins. Confira:

“Gostaria de pedir desculpas ao público do Ultralounge pela palhaçada ocorrida (pela segunda vez) nesta sexta, dia 18 de julho. É inacreditável que tenhamos chegado a esse nível de perseguição, quando o nosso único propósito, desde o começo, foi o de oferecer uma opção de diversão de qualidade ao público GLS.

Saímos do antigo endereço por uma brecha da lei de zoneamento e resolvemos construir uma nova casa do zero. Como sempre soube que a patrulha continuaria forte, o investimento, que já não era pequeno, tornou-se ainda maior com a preocupação de ter a casa 100% dentro da legislação, principalmente em acústica. Depois do primeiro fechamento, impediram que tivéssemos serviço de manobrista. Tiramos. Praticamente reconstruímos a casa para nos adequarmos às novas exigências do Contru. E eis que novos problemas nos foram apresentados pelos fiscais, sempre pressionados pela SAMORCC, "Sociedade dos Amigos e Moradores de Cerqueira César".

As senhoras dos Jardins que me perdoem, mas o bairro já tinha sido adotado pelos gays antes do Ultralounge, e sempre será, com ou sem o clube. Portanto, nem me passa pela cabeça tentar um novo ponto em outro bairro. Nunca fui muito engajado ou militante da causa gay. Mas sei que oferecer uma opção de noite como a do Ultra, bem diferente da que tínhamos antes, também é um modo oferecer uma pequena contribuição para a vida de alguns. Elas querem tirar casas com este "tipo de público" dos Jardins, como estão tentando com a boate SoGo e como conseguiram com o bar Allegro. Aviso que o Ultra vai ficar. Sei que esse abre-não-abre enche o saco de todos, mas continuo contando com o apoio - incrível, por sinal - de todos. Aguardem, vamos abrir. E que venham as senhoras dos Jardins.

Bob Yang.

P.S.: A representatividade de algumas associações me parece bem duvidosa. Algum morador de Cerqueira César já tinha ouvido falar de SAMORCC antes? Quantas pessoas será que ela representa?”


Bom, esperamos que Bob Yang realmente consiga reabrir o Ultralounge. Estamos na torcida!

Atualizado em 19 Mai 2014.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Do 'pudol' ao 'bigou': site promove adoção de vira-latas por meio de buscas erradas no Google

Cães recebem como nome os erros mais procurados do buscador a fim de dar mais visibilidade à adoção

8 coisas que você pode fazer em casa para matar o tédio em dias chuvosos

De jogos de bebida a spa em casa, qual tem mais a sua cara?

App lança mapa interativo que mostra blocos e festas de Carnaval próximos ao usuário

Foliões de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Recife e Olinda podem contar com a ajuda do app para se localizar

10 hábitos que têm o poder de mudar o seu ano completamente

Uma magia que só hábitos saudáveis podem oferecer

7 livros impressionantes que estão entre os mais vendidos de 2018 e você precisa ler

Ótimas leituras para começar 2019 inspirado nos best sellers que bombaram ano passado

9 livros para começar 2019 com o pé direito

Histórias reais, de suspense, romance e até para melhorar suas finanças durante o ano

Cadastre-se para
NOVIDADES

×
Receba novidades do Oba Oba

Whatsapp Guia da Semana
Receba nossos tópicos mais quentes e notícias fresquinhas em seu Whatsapp

CADASTRE-SE

Notificações em seu PC ou celular
Receba notificações instantâneas com nossos tópicos mais quentes e notícias fresquinhas

CADASTRE-SE

Newsletter do Oba Oba
Dicas semanais para aproveitar o melhor que a cidade tem a oferecer.