5 filmes de terror baseados em fatos reais

Conheça a verdadeira história por trás de 5 filmes de terror.

Não tem nada que deixa um filme de terror ainda mais assustador do que saber que ele foi inspirado em uma história real. Mesmo que a gente não acredite muito, tem gente que jura que tudo aquilo aconteceu.

+ Confira uma seleção de 31 filmes de terror
+ 8 filmes de terror inspirados em livros 
+ 13 filmes perturbadores para você (não) assistir

É claro que no cinema nada é igual a vida real, então escolhemos 5 filmes de terror e te contamos a real história por trás deles. Se liga: 

1. O exorcista

O filme: Numa pequena cidade de Washington, uma atriz percebe que a sua filha está tendo um comportamento completamente assustador. Ela pede, então, ajuda a um padre que chega a conclusão de que a garota está possuída pelo demônio. Ele pede ajuda a um outro sacerdote, especialista em exorcismo, para tentar livrar a menina da terrível possessão.

A história: A história real veio de um artigo que William P. Blatty, roteirista e autor do romance que inspirou o filme, leu sobre um garoto teoricamente possuído pelo demônio. Após a morte de sua tia, fatos estranhos começaram a ocorrer: móveis moviam-se sozinhos e ele tinha constantes pesadelos. Até que seus familiares conhecem O’ Boyle, um cardeal que acreditava que tudo não passava de uma possessão demoníaca. 

2. O exorcismo de emily rose

O filme: Conta o drama vivido por uma jovem possuída pelo demônio. No filme, a protagonista interpreta o papel de uma advogada que defende um padre acusado por uma sessão de exorcismo realizada em uma adolescente chamada Emily Rose que, segundo ele, havia sido possuída pelo demônio.

A história: O filme foi inspirado em Anneliese Michel, uma garota alemã que sofria estranhos males como paralisia, autoflagelação e tinha visões. Anos depois, resolveu-se submeter a garota em sessões de exorcismo já que os padres acreditavam que vários demônios possuíam a garota. Algum tempo depois, Anneliese acabou morrendo e seus pais, além dos padres, foram considerados culpados. 

3. Horror em Amityville

O filme: Após um terrível assassinato em uma casa em Amityville, Long Island, um casal e seus filhos mudam-se para o local. Lá, um rapaz matou a família inteira, alegando que vozes que vinham da casa o influenciaram a cometer o crime. Após a mudança, os novos moradores começam a perceber estranhos eventos - afetando a vida da família e indicando que um espírito maligno reside ali. 

A história: Em 1974, a família Defeo foi brutalmente assassinada enquanto dormia. Quem cometeu o crime foi Ronald, um dos cinco irmãos. Ele admitiu o ocorrido, porém disse ser influenciado por entidades sobrenaturais. A casa teria sido construída sobre um terreno indígena e mesmo assim uma outra família mudou-se para lá. Assim como no filme, não chegaram a ocupar o local nem por um mês, devido estranhos acontecimentos. 

4. Invocação do mal 

O filme: Um casal se muda para uma casa em Harrisville com as suas cinco filhas, entretanto, estranhos acontecimentos começam a assustar a família. Eles procuram, então, um famoso casal de investigadores paranormais - os Warren*. É aí que eles descobrem que uma entidade demoníaca reside ali, querendo continuar a sua trajetória de maldades.

A história: Nos anos 1970, o casal de investigadores paranormais Ed e Lorraine Warren ajudou uma família aterrorizada por eventos estranhos em sua casa no interior de Rhode Island, nos Estados Unidos. A família - Carolyn, Roger Perron e suas cinco filhas - passou dez anos no local, em meio a visões, barulhos inexplicáveis e objetos que se moviam sozinhos. Os Warren falharam na missão de expulsar o espírito vingativo e a família continuou na casa por muitos anos.

5. O massacre da serra elétrica 

O filme: Levemente baseado em fatos reais, conta a história de um grupo de jovens que, durante uma viagem de carro, acabam caindo no caminho de uma família de pessoas insanas, cujo filho utiliza uma serra elétrica para matar as pessoas, tratando-as como carne animal.

A história: Leatherface foi baseado no assassino que também serviu de inspiração para Alfred Hitchcock, em Psicose, e também outros filmes. Ed Gein foi condenado por brutais assassinatos já que com os corpos ele fazia móveis de sua casa e vestia a pele das vítimas com a intenção de se tornar uma mulher. Isso porque mantinha uma estranha obsessão pela figura da mãe, que antes de morrer mantinha uma postura protetora, religiosa e fanática. Gein nunca chegou a ser preso, provado seus problemas psiquiátricos.


Atualizado em 20 Mai 2014.

Por Ricardo Archilha
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Perturbador, “Esta é a sua morte – o show” estreia nesta quinta, 21

Filme sobre reality show de suicídios questiona se não levamos a cultura do espetáculo longe demais

CCXP 2017: tudo o que você precisa saber sobre o evento mais nerd do ano

Quarta edição da feira acontece entre os dias 7 e 10 de dezembro no São Paulo Expo

10 filmes baseados em quadrinhos que não são de super-heróis

“Atômica”, com Charlize Theron, é baseado na graphic novel “The Coldest City”

Mais de 30 filmes, séries e documentários imperdíveis que estreiam na Netflix em setembro

Vem descobrir quais novidades farão você querer ficar em casa com um balde de pipoca

Do antigo ao tecnológico: conheça 8 cinemas diferentões para conhecer em SP

Desbrave o que há de mais interessante entre as novas e antigas salas da cidade

Saiba todas as novidades da sétima temporada de 'American Horror Story'

Vem descobrir o tema da nova história, atores que vão participar e curiosidades