Filme de 50 Cent sofre protesto nos EUA

Os problemas com armas de fogo não são apenas repercutidos no Brasil, mas também em Hollywood.

O rapper americano Curtis Jackson, mais conhecido como 50 Cent, recebeu fortes críticas sobre seu filme, "Get Rich Or Die Tryin", que estréia no mês que vem nos cinemas americanos O obra tem como base a própria história de vida de 50 Cent.

No cartaz de divulgação do filme, o rapper segura uma arma em sua mão esquerda e com isso, mexeu com os nervos de vários grupos contrários a venda de revólveres .

O Project Islamic Hope, grupo defensor da não-liberação das armas, em um comunicado, declarou que o cartaz promove a violência com armas de fogo, a maior causa de morte entre jovens negros de bairros pobres americanos.

Eles pretendem mudar a cara do filme e entrar com um processo contra a Paramount Pictures, estúdio responsável pela obra.

Atualizado em 19 Mai 2014.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

28 filmes, séries e documentários que estreiam na Netflix em outubro

'Stranger Things', 'Suburra', 'Criminal Minds', documentário sobre os Beatles e mais

Perturbador, “Esta é a sua morte – o show” estreia nesta quinta, 21

Filme sobre reality show de suicídios questiona se não levamos a cultura do espetáculo longe demais

CCXP 2017: tudo o que você precisa saber sobre o evento mais nerd do ano

Quarta edição da feira acontece entre os dias 7 e 10 de dezembro no São Paulo Expo

10 filmes baseados em quadrinhos que não são de super-heróis

“Atômica”, com Charlize Theron, é baseado na graphic novel “The Coldest City”

Mais de 30 filmes, séries e documentários imperdíveis que estreiam na Netflix em setembro

Vem descobrir quais novidades farão você querer ficar em casa com um balde de pipoca

Do antigo ao tecnológico: conheça 8 cinemas diferentões para conhecer em SP

Desbrave o que há de mais interessante entre as novas e antigas salas da cidade