Filme de Sofia Coppola é vaiado em Cannes

A primeira grande vaia do Festival de Cannes, deste ano, foi para o terceiro filme de Sofia Coppola: Maria Antonieta. O que mais impressionante, é que a produção era uma das mais esperadas do evento.

Após sua exibição, os poucos aplausos foram abafados pelos urros, assobios e vaias. A filha de Francis Ford Coppola (O Poderoso Chefão), foi revelada em Cannes, 1999, com o filme de estréia, “As Virgens Suicidas”.

Teve o reconhecimento profissional com “Encontros e Desencontros”, pelo qual ganhou o Oscar de Roteiro.

No seu terceiro trabalho, Sofia Coppola retrata a vida da rainha da França, desde sua chegada da Áustria até a revolução francesa, quando a família real deixa o grande palácio.

A diretora mostra uma Maria Antonieta que tenta esquecer as frustrações com doces e desperdícios com gastos em jóias e vestidos.

Atualizado em 20 Mai 2014.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

28 filmes, séries e documentários que estreiam na Netflix em outubro

'Stranger Things', 'Suburra', 'Criminal Minds', documentário sobre os Beatles e mais

Perturbador, “Esta é a sua morte – o show” estreia nesta quinta, 21

Filme sobre reality show de suicídios questiona se não levamos a cultura do espetáculo longe demais

CCXP 2017: tudo o que você precisa saber sobre o evento mais nerd do ano

Quarta edição da feira acontece entre os dias 7 e 10 de dezembro no São Paulo Expo

10 filmes baseados em quadrinhos que não são de super-heróis

“Atômica”, com Charlize Theron, é baseado na graphic novel “The Coldest City”

Mais de 30 filmes, séries e documentários imperdíveis que estreiam na Netflix em setembro

Vem descobrir quais novidades farão você querer ficar em casa com um balde de pipoca

Do antigo ao tecnológico: conheça 8 cinemas diferentões para conhecer em SP

Desbrave o que há de mais interessante entre as novas e antigas salas da cidade