Kid Rock e Scott Stapp entram na justiça por filme pornô

Como todos esperavam, Kid Rock já entrou na justiça para tentar impedir que a Red Light District comercialize um vídeo pornô protagonizado por ele, Scott Stapp (ex-Creed) e quatro garotas num ônibus de turnê em 1999.

Na ação judicial, Kid Rock alegou que a empresa está violando sua marca registrada e sua privacidade. Já conseguiu a primeira vitória, pois um juiz norte-americano concedeu uma liminar que impede a Red Light de divulgar o trailer do filme em seu site oficial.

David Joseph, dono da empresa, não informa com quem conseguiu as imagens, mas afirmou que está pronto para vendê-las. Ele chegou a veicular um trecho do filme em seu site, o que gerou uma primeira ação na justiça, por parte de Scott, já no final da semana passada (17/02).

Em seu processo, Kid Rock exige uma ordem que impeça definitivamente a venda e distribuição do filme. "Até as estrelas do rock têm direito a privacidade", disse William Horton, advogado do cantor.

Atualizado em 19 Mai 2014.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

8 Filmes com Adam Sandler que são surpreendentemente bons

Ator está sendo elogiado no festival de Cannes pelo drama “The Meyerowitz Stories”

10 petiscos que combinam perfeitamente com aquela maratona de filmes e seriados

O balde de pipoca vai ficar pequeno de tanta coisa gostosa que você vai querer provar.

13 filmes lançados em 2017 que talvez você não tenha ouvido falar - mas que são magníficos

Do bom drama ao suspense, sem deixar de lado obras estrangeiras que merecem destaque

Cinema de graça: 22 filmes para ver durante a Virada Cultural

"Grease", "Trainspotting" e "Donnie Darko" terão sessões gratuitas entre sábado e domingo

15 filmes do universo Marvel para ver na Netflix

“Capitão América: O Soldado Invernal” e “Thor: O Mundo Sombrio” já estão em cartaz no serviço de streaming

15 filmes da Netflix que são baseados em histórias reais e você não sabia

Histórias impressionantes que vão muito além da ficção do cinema!