Ouça 5 músicas de filmes que merecem um Oscar - e uma que já tem

O Guarda-Costas, Um Tira da Pesada, Titanic e outros filmes com trilhas maravilhosa (ou não)

A cerimônia de premiação do Oscar rola nesse domingo, 24 de fevereiro, e dentre as várias categorias, uma em especial nos chama a atenção, a de melhor canção original, que é diferente de melhor trilha sonora. Por exemplo, esse ano o filme 007 – Operação Skyfall  está concorrendo na categoria de melhor trilha sonora porém, não é com a música de mesmo nome da Adele, mas sim com os arranjos de Thomas Newman. A música da cantora também concorre, porém, como melhor canção original. Deu pra sacar a diferença? Mais ou menos? Bem, como gostamos muito de música e alguns desses sucessos dos cinemas nunca saíram das nossas cabeças, selecionamos algumas das canções que fizeram tanto sucesso quanto os seus filmes, ganhando um Oscar ou não. Confira:

 

Celine Dion - My Heart Will Go On (Titanic, 1998)
Se você teve aulas de flauta doce na escola, é bem provável que você saiba tocar “My Heart Will Go On”, da Celine Dion. Do final de 1997 ao começo de 1999, a música esteve presente em todas as rádios, formaturas e casamentos. Hoje em dia ainda é bem frequente em love songs e baús de rádios românticas. Essa é a única música dessa lista que recebeu um Oscar!


Whitney Houston - I Will Always Love You (O Guarda-Costas, 1992)
Whitney já bombava nas paradas musicais quando foi chamada para estrelar O Guarda Costas. E talvez seja esse o fato que levou o filme a fazer sucesso, já que a história não vai muito além do chá com pão tradicional dos contos hollywoodianos – e das novelas mexicanas. A canção, aliás, ficou muito mais famosa do que o filme, tanto que ela é a primeira referência quando o longa é lembrado. Faça o teste!


Roy Orbison – Pretty Woman (Uma Linda Mulher, 1990)
Quem dera se todas as prostitutas tivessem a mesma sorte que Julia Roberts teve em Uma Linda Mulher. Encontrar um cara rico, educado, fino, chique de doer e que ainda se apaixona, não é pra qualquer um. E o cara ainda é o Richard Gere. Isso que é destino. Para acompanhar, uma das mais divertidas canções românticas de todos os tempos, que ficou ainda mais famosa ao ser relacionada no longa.


Peter Cetera - Glory of Love (Karate Kid II, 1987)
Nossas tardes foram loucamente abastecidas por grandes clássicos de Hollywood, isso graças à Sessão da Tarde e ao Cinema em Casa. Bolinho de chuva e leitinho com Toddy acompanharam a nossa educação na frente da TV, evitando as ruas e as confusões que até Deus duvida. Mas caso essas confusões viessem a acontecer, aprendemos alguns golpes com filmes como Karate Kid. Estamos falando do golpe da garça. Mas esse golpe não dá certo sem a trilha sonora certa. Glory of Love, do Peter Cetera.


Glenn Frey – Heat is On (Um Tira da Pesada, 1984)
Bem, essa música é um clássico, o filme também, mas só foi selecionada nessa lista pois ambos mereciam receber um Oscar, ou dois. E também porque não poderíamos perder a oportunidade de mostrar ao mundo o nome dessa música que sempre ficou presa em nossas mentes. 

Atualizado em 20 Mai 2014.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

8 filmes com Adam Sandler que são surpreendentemente bons

Ator está sendo elogiado no festival de Cannes pelo drama “The Meyerowitz Stories”

10 petiscos que combinam perfeitamente com aquela maratona de filmes e seriados

O balde de pipoca vai ficar pequeno de tanta coisa gostosa que você vai querer provar.

13 filmes lançados em 2017 que talvez você não tenha ouvido falar - mas que são magníficos

Do bom drama ao suspense, sem deixar de lado obras estrangeiras que merecem destaque

Cinema de graça: 22 filmes para ver durante a Virada Cultural

"Grease", "Trainspotting" e "Donnie Darko" terão sessões gratuitas entre sábado e domingo

15 filmes do universo Marvel para ver na Netflix

“Capitão América: O Soldado Invernal” e “Thor: O Mundo Sombrio” já estão em cartaz no serviço de streaming

15 filmes da Netflix que são baseados em histórias reais e você não sabia

Histórias impressionantes que vão muito além da ficção do cinema!