Série The Playboy Club revive glamour dos anos 60

Com cenário na buatchy mais badalada do mundo.

Primeiro, um pouco de história, porque o ObaOba também é cultura: em fevereiro de 1960, o playboy-mor Hugh Hefner, fundador da Playboy Enterprises, inaugurava o primeiro Playboy Club no centro de Chicago. Em pouco tempo a rede ganhou casas em Los Angeles, Nova York, Nova Orleans e até em outros países como Inglaterra, Jamaica e Filipinas.

Com um prestígio inigualável na época, a matriz de Chicago chegou a ser o clube noturno mais frequentado do mundo. Mas ainda que durante a década de 60 a maior parte da receita da Playboy viesse da jogatina de clubes como esse, uma grave crise financeira fez com que todos eles fossem fechados até 1991. Apenas em 2006, com a abertura do Playboy Club de Las Vegas, a rede foi reativada - mas essa já outra história.

O caso é que agora o canal americano NBC está produzindo uma série inspirada justamente nesse clube de Chicago. Com muitas coelhinhas, números musicais e prováveis cenas de nudez, o programa já foi até condenado pelo Parents Television Council (associação que fiscaliza a moralidade na televisão americana) - ou seja, é bafo!

Assista ao trailer (sem legendas):

Atualizado em 20 Mai 2014.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

13 filmes de terror atuais que estão na Netflix para assistir na sexta-feira 13

Produções focadas em espíritos malignos, psicopatas e banhos de sangue de arrepiar a espinha

Netflix: 12 filmes, séries e documentários para quem ama moda e beleza

Para quem quer se aprofundar mais ainda neste universo fashionista

15 séries atuais da Netflix para assistir debaixo das cobertas

Friozinho + maratona de séries = tem combinação melhor?

Mais de 35 filmes e séries que estreiam na Netflix em julho de 2018

O serviço de streaming traz para o catálogo filmes como 'Sobrenatural' e séries aguardadas, como 'Anne With An E', por exemplo

6 filmes da Disney que estamos ansiosos para assistir nos cinemas

O estúdio está com grandes lançamentos para 2019 e tem até produção inspirada em clássicos

6 séries fantásticas que não estão na Netflix e você precisa conhecer