Cervejaria São Jorge

Tradicional bar do Centro de São Paulo.

Cervejaria São Jorge

Horário(s)

Segunda a sexta das 11h à 0h. Sábado das 11h às 19h.

Endereço
Pç. Antônio Prado, 33 Loja,, 01010-010

Telefone (11) 3107-0123

Site do estabelecimento

A Cervejaria São Jorge, ex-Salve Jorge, é conhecida pelos petiscos, chopes e a caipirinha com picolé. A região, que é turística, e a praça, bem arborizada, dão um charme a mais ao estabelecimento. Em algumas noites, rola samba e sertanejo universitário ao vivo.

Atualizado em 27 Fev 2013.

Compartilhe

Mapa do local

Comentários

Explore ao redor

Praça Antônio Prado

Praça Antônio Prado

Praça no centro de São Paulo

Salve Jorge Centro - MUDOU

Salve Jorge Centro - MUDOU

Palco Coreto Bolsa de Valores

Palco Coreto Bolsa de Valores

5m Espaço traz shows de Dona Inah e Cadeira de Balanço, Juliana Amaral, Inimigos do Batente e muito mais

La Bourse

La Bourse

78m

Palco Largo São Bento

Palco Largo São Bento

169m Espaço traz espetáculos de dança durante a Virada Cultural 2015

Centro Cultural Banco do Brasil de São Paulo

Centro Cultural Banco do Brasil de São Paulo

210m Exposições, filmes e eventos culturais

Notícias recomendadas

5 bares que abriram (ou vão abrir) em São Paulo em 2018

Novos points para botecar horrores na capital paulista

Bar em Pinheiros faz sucesso com drinks a R$15, cerveja barata e ambiente descontraído

O Estepe surgiu no mês de outubro e já virou point dos alternas

Bar em Pinheiros oferece open de chopp por menos de R$25; saiba mais!

O Gràcia Bar é conhecido por suas noites agitadas

Graffiti Bar é opção de Happy Hour, balada e karaokê no Centro de São Paulo

Dica para você que tá procurando um lugar pra soltar a voz na noite paulistana!

Chama nos contatinhos: os 10 melhores bares pra paquerar e conhecer gente nova em São Paulo

Tá querendo conhecer gente nova e dar uns beijo? Se liga nesse roteirinho!

Bar do Urso presenteia clientes durante o mês de dezembro com chopp de graça

A promoção é ideal para agradar os amigos cervejeiros que não negam um chopp artesanal