Dicas para você não fazer feio na praia

Não pague mico neste verão, O.K?.

Uma das piores características do ser humano é o fato de ter mania de falar mal dos outros, criticar e julgar, sem antes fazer uma auto-análise. Não existe idade ou situação certa para isso acontecer, esse péssimo hábito vem conosco desde o nosso nascimento – claro que algumas pessoas aprendem a lidar com isso conforme vão crescendo, enquanto outras, vão piorando cada vez mais. Seja no supermercado, balada, rua, no nosso ambiente de trabalho ou até mesmo em casa, uma coisa é fato: sempre arrumamos uma forma de achar defeito em algo ou alguém e comentar sobre.

►Como paquerar na praia e não fazer feio

Já parou pra pensar em quantas vezes você fez comentários maldosos sobre o biquíni da moça que passou na sua frente, ou do corpo de um homem andando na praia? Pois é. O cenário mais característico e cheio de aberrações, caricaturas e personagens cômicos é a praia.

Pensando nisso, o ObaOba fez um guia com dicas para você não pagar mico na praia.

1) Deixe a famosa “farofa” em casa. Nada como ser prático e levar apenas uma geladeirinha com água e cerveja, e claro, alguns snacks para enganar a fome.

2) Esse é um país livre e nos vestimos como quisermos; mas você já parou para ver se o biquíni fio-dental que quer levar para a praia, fica bonito no seu corpo? É muito mais sexy uma mulher cheinha de maiô, do que uma com o biquíni menor que o corpo.

3) Ninguém gosta de pessoas berrando ao seu redor – ainda mais quando são desconhecidas. Se você é do tipo que não sabe conversar e só sabe falar gritando, tente mudar isso neste verão.

4) Cuidado ao recolher sua canga, cadeira ou guarda-sol, muitas vezes a areia voa toda no vizinho e você nem sequer percebe.

5) Está com o namorado e o clima está esquentando? Vá para casa, afinal ninguém é obrigado a ver você dando amassos fortes e fazendo pegação – muito menos as crianças.

6) Tomou sorvete, fumou cigarro e comeu um salgadinho? Lembre-se de sempre colocar tudo dentro de um saco plástico para você jogar no lixo. Nada mais feio e irritante do que ver alguém largando lixo na areia.

7) A praia é um ambiente livre e público, se você realmente fizer muita questão de ouvir música, coloque um fone de ouvido ou fique afastado da multidão; a pessoa ao seu lado pode não se sentir confortável de escutar funk no último volume.

8) Praia não é lugar de cachorro e nem animal de estimação. Por mais limpo e bonitinho que seja seu puppet, levá-lo a praia é ser egoísta com o ele e também com as pessoas ao redor.

Atualizado em 20 Mai 2014.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Festas para curtir o Réveillon 2018 ao redor do Brasil

Points badalados no Nordeste do país, festas agitadas na capital paulista e muito mais

Bate e volta: 12 destinos próximos a São Paulo que vão te fazer querer botar o pé na estrada

Sem custos de passagem nem hospedagem, do litoral ao interior, #partiu explorar os arredores da cidade!

Deu onda: 11 praias próximas a São Paulo que são o paraíso de qualquer surfista

Veja um roteiro com as melhores ondas do litoral paulista - partiu botar o pé na estrada?

9 praias próximas a SP para curtir o sol do inverno

Nada como um bate e volta pra curtir os dias ensolarados de inverno, né?

Descubra a viagem que mais tem a ver com o seu signo

Praias paradisíacas, cidades repletas de cultura, noites agitadas... vem descobrir pra onde o zodíaco vai te levar

Agência oferece pacote de viagem para o Chile com festas exclusivas, snowboard e festival eletrônico

São 5 dias de muita curtição, inclusive com pool party e festa em cima da montanha